foi adicionado ao seu carrinho.

Bullet Journal: como criar o seu e se organizar

Por 8 de agosto de 2016Organizando tudo!

Existe coisa mais legal do que fazer listas? Se tem papel dando sopa na minha mesa, logo vira lista de alguma coisa. Pode ser lista do que quero fazer na semana, lista de gratidão, do que fazer no fim de semana, enfim. Já faz algum tempo que descobri o bullet journal. Você conhece? Ele é uma ferramenta super simples, mas poderosíssima para nos ajudar “rastrear o passado, organizar o presente e nos preparar para o futuro”, como diz  o “pai” deste método, o designer americano Ryder Carrol.

Bullet Journal: como se criar o seu e se organizar

Com o bullet journal, você terá uma forma rápida e organizada de anotar tudo o que precisa fazer e um esquema que te ajudará a manter a sua agenda sempre em ordem. Isso inclui lembretes com post-its, as listas de atividades, compromissos e datas importantes e anotações diversas. O que o torna tão maravilhoso é a flexibilidade, pois ele pode ser adaptado de diversas formas! A rotina do seu bebê, organização do seu estudo e publicações das redes sociais da sua empresa são exemplos de coisas que pode planejar e organizar com o bullet journal ou Bujo para os mais íntimos.

Para criar o seu, tudo que você vai precisar é um caderno e uma caneta. Os modelos mais usados são os quadriculados ou pontilhados, mas você pode usar o que tiver, ou o que preferir. Lá na nossa loja da A.Craft, você encontra diversos modelos de cadernos para criar o seu, vem ver!

Como criar o seu bullet journal

1. Enumere as páginas. Todas as páginas do seu caderninho deverão ser enumeradas no canto inferior. Isso vai  funcionar como uma referência pra te ajudar a não se perder no meio das suas anotações.

10IMGP2923

2. Crie o índice. Reserve as 2 primeiras folha do seu caderno para o índice. É nele que você vai referenciar as anotações do seu bullet journal e as páginas correspondentes. Escrever as páginas no índice conforme ele for preenchido.

3. Crie os bullets. Eles são símbolos usados pra identificar cada uma das anotações do caderno.

  • Bolinha (‘•’) para listar as tarefas. Ex: compras no mercado, enviar pedidos no Correios, etc.
  • Maior que (‘>’) para as tarefas tiverem sua data alterada.
  • Círculo (‘○’): indica um evento. Ex: ‘festa da Joana’
  • Tracinho (‘-‘):sinaliza uma nota. São ideias e pensamentos
  • Marque um ‘X’ nas tarefas que forem terminadas em cima do ícone de tarefas (‘•’) ou eventos (‘○’).

0IMGP2927

4. Crie o calendário mensal. Na página seguinte escreva do lado esquerdo o mês e os dias em formato de lista ou calendário. Ao lado das datas escreva todos os compromissos ou datas importantes. Na página da direita faça uma lista com todas as tarefas que precisam ser feitas ou iniciadas naquele mês utilizando os bullets.

5. Crie o calendário diário: Nas próximas páginas, escreva a data que pretende planejar e liste tudo que precisa ser realizado.
Importante: Quando você usar s símbolo (‘>’) você deve imediatamente fazer uma dessas coisas: Colocar a tarefa na lista de atividades futura (que já vou explicar) ou incluir a tarefa no calendário mensal, se já tiver data definida para ser feita.

120IMGP2930

6. Crie a lista de atividades futuras. Separe algumas páginas do final do bullet jornal e liste todas as atividades relacionadas aos meses seguintes. Isso ajudará você a não se esquecer das atividades que precisa realizar no próximo mês.

O que mais dá pra adicionar no bullet journal?

Você pode ainda fazer um acompanhamento de metas ou atividades que pretende fazer com mais consistência, como por exemplo ir à academia, meditar, beber 2 litros de água, estudar uma língua estrangeira por 30 minutos, etc. Para isso escreva a atividade e escreva os dias dos meses que deseja registrar e faça uma marquinha nos dias que fizer para acompanhar o seu progresso.

Espero que tenha gostado das dicas! Se você gostou do assunto e quiser ver mais dicas sobre bullet journal por aqui, deixe um comentário aqui pra mim! 😉

Autor Liana Uehara

Mais posts por Liana Uehara

Participe da discussão 5 Comentários

Deixe uma resposta