foi adicionado ao seu carrinho.

Como a técnica pomodoro pode aumentar sua motivação e produtividade

Por 17 de maio de 2019Organizando tudo!

Hoje vou compartilhar com você uma técnica de produtividade que tem me ajudado muito: a técnica pomodoro. Você provavelmente já deve ter ouvido falar nela. Mas mesmo que você já conheça essa técnica, fica aqui até o final que vou te contar como você pode usar essa técnica para te motivar a aumentar (e muito) a sua produtividade.

Como a técnica pomodoro pode aumentar sua motivação e produtividade

Como a técnica pomodoro pode aumentar sua motivação e produtividade

Essa técnica é indicada para pessoas que não conseguem manter o foco em uma atividade por muito tempo ou para quem procrastina muito, ou seja, que enrolam para começar uma tarefa.

Sabe quando você tenta estudar ou se concentrar em alguma coisa, mas o celular mostra uma mensagem nova no whatsapp e você aproveita para ver “só um pouquinho” o facebook, depois só um vídeo do Youtube e daqui a pouco já perdeu totalmente o foco? Então, essa técnica pode mudar sua vida.

Eu não estou compartilhando essa dica apenas porque vi por aí na internet. Eu testei e realmente está me ajudando muito a manter o foco. Na verdade, eu já tinha tentado utilizar a alguns anos atrás, mas não acreditava muito nela e acabei deixando pra lá. Dessa vez eu ouvi uma explicação de como a técnica age no cérebro, e com essa nova abordagem eu consegui aplicar porque passei a acreditar nela.

Como a explicação foi útil para eu confiar na técnica, vou começar por ela.

Se aliando com a dopamina (essa parte é importante)

Vamos começar entendendo um pouco sobre a dopamina. A dopamina é um neurotransmissor que nosso cérebro fabrica. Ela nos faz sentir mais força de vontade, realização, satisfação, entre outras sensações. Parece bom, né? Quando você tem bastante dopamina no corpo, você fica mais disposto e tem vontade de fazer mais coisas. E quando tem pouca dopamina no corpo, é o contrário, você procrastina as atividades e não consegue se concentrar.

Se você está em um dia improdutivo, é possível que o motivo seja a baixa dopamina no seu corpo. Já pensou se existisse uma forma de fazer seu corpo gerar dopamina? Tenho uma boa notícia pra você: a técnica pomodoro faz justamente isso.

Seu corpo pode gerar dopamina de diversas formas, e uma delas é cumprindo metas. Quando você termina uma atividade, não dá uma sensação de bem estar, satisfação e realização? Pois é, isso é seu cérebro gerando dopamina.

Então o que precisamos fazer é cumprir uma meta para o cérebro gerar dopamina, que vai estimular o início de outra atividade. Ao terminar essa segunda atividade, nosso cérebro gera mais dopamina que nos motiva ainda mais. E você entra em um ciclo de produtividade alta.

Legal, né? Então vamos aprender sobre a técnica.

Como é a técnica pomodoro?

A técnica pomodoro é bem simples. Extremamente simples pra falar a verdade.

São ciclos de foco seguidos de descansos. O período de foco dura 25 minutos, e o de descanso dura 5 minutos. Ou seja, você se concentra por 25 minutos e descansa 5. Depois começa outro período de foco de 25 minutos seguido de um descanso de 5 minutos. E assim por diante. A única variação é que após o 4º ciclo de foco, ao invés de descansar 5 minutos você descansa 15.

O período de foco precisa ser de foco pleno. Você tem que se esforçar ao máximo para não ceder à tentação de olhar o celular ou abrir uma aba improdutiva no navegador. Sempre pense que você poderá fazer isso no seu tempo de descanso de 5 minutos.

Quando terminar o período de foco, você terá uma sensação de missão cumprida e seu cérebro vai te recompensar com uma carga de dopamina.

Descanse por 5 minutos fazendo o que quiser. Converse com seus amigos, veja as mensagens do whatsapp, cochile um pouquinho, faça o que quiser, sem peso na consciência.

Depois dos 5 minutos comece um novo período de foco.

Repita.

Algumas dicas úteis

Mesmo sabendo sobre a técnica pomodoro, você pode ficar com preguiça de começar uma atividade, por isso minha principal dica é que você se comprometa apenas com 1 ou 2 ciclos de pomodoro por dia. Não é muita coisa, né?

Não fique pensando que terá que fazer 8 ciclos ou mais. Apenas diga para você mesmo: vou me esforçar para fazer só 2 ciclos, porque já é melhor do que não fazer nada. O importante é vencer a procrastinação e ganhar embalo, depois de 2 ciclos é provável que você esteja com uma sensação de produtividade e acabe fazendo muito mais.

Atualmente estou utilizando um aplicativo chamado Focus To-Do. Ele cumpre bem o objetivo de cronometrar os períodos, é bem minimalista, não tem propagandas e ainda é gratuito. Você pode baixar o app para IOS aqui e Android aqui.

Se você decidir aplicar a técnica, conte aqui nos comentários como foi sua experiência.

Quer receber os posts da A.Craft no seu email?

Autor Luiz Ikeda

Mais posts por Luiz Ikeda

Participe da discussão 5 Comentários

  • Marthayza disse:

    Nossa, tenho muuuuiiita dificuldade em cumprir metas. Vou começar essa técnica hoje, pois estou com dificuldades em manter o hábito de estudos. Tomar que dê certo! <3

  • Legal! Fico pensando se não será muito difícil “parar” após os 25 minutos, pq quando eu me concentro, eu me concentro meeeeesmo kkk. Ontem por exemplo estava colorindo um desenho meu, comecei às 13h e quando fui perceber, já era de noite. Mas vou tentar baixar esse app que você recomendou e dar uma chance para este método.
    Gosto muito da empresa de vcs, parabéns pelo trabalho.
    Beijos!

    • Luiz Ikeda disse:

      Oi Gabriela!
      Então, tem gente que faz 50 minutos de foco e 10 minutos descanso.
      O pomodoro serve mais para atividades cansativas, como estudar ou fazer um trabalho chato. Aí ele estimula a concentração.

      Abraços!

  • SIMONE RAQUEL MARQUES DE OLIVEIRA disse:

    Era extamente tudo o que eu precisava ler hoje!
    Muito obrigada por compartilhar e ser tão sincera; #acraftlover

  • Danielle disse:

    Oii, gostaria de agradecer a partilha dessa dica! :)
    Tem me ajudado muito na organização do meu trabalho, me disperso facilmente e a técnica tem me apoiado a ficar mais presente. E a satisfação de uma tarefa cumprida mantem a autoestima e autoconfiança!
    Gratidão!

    E adoro a lojinha de vocês! S2
    Um abraço!

Deixe uma resposta para Gabriela Pimentel Mattar Cancelar resposta